By

Conheça a história e a receita do pão doce de Lucca, o Bucellato. Nascido em meados do século XV, o Buccellato é um dos doces mais antigos da cidade de Lucca. O seu delicioso aroma de erva-doce e passas, e a sua longa história com raízes na época romana, o torna uma das especialidades mais significativas da tradição gastronômica local.

 

A Toscana produz alguns dos bolos e pães mais famosos da Itália como o gostoso doce de Natal, o Panforte de Siena, bem como o menos conhecido Panpepato; Biscoitos Castagnoli, Amaretti di Carmignano e Cantuccini vindos de Prato; e a Schiacciata alla Fiorentina e o antigo bolo de sorvete que é o Zuccotto vindo de Florença. Embora essas guloseimas possam agora ser encontradas em toda a Toscana e na Itália e durante todo o ano, muitas eram originalmente feitas para celebrar eventos específicos e festivais religiosos, como os dias dos santos, Natal e Páscoa.

O Buccellato é uma sobremesa típica de Lucca que normalmente é servido como uma refeição requintada acompanhada por um copo de vin santo. Não raro, porém, também é consumido no café da manhã.

Um antigo ditado popular de Lucca afirma: “Chi viene a Lucca e non mangia il buccellato è come non ci fosse mai stato” (“ Quem vem a Lucca e não come Buccellato é como se nunca lá tivesse estado ”), sublinhando o quão profundamente enraizada está a tradição desta receita.

Tradição

Os versos de um ditado de Lucca explicam que quem não come Buccellato em Lucca é como se nunca tivesse realmente estado na cidade. Isso é o suficiente para entender como a receita deste delicioso pão doce está intimamente ligada à Lucca e sua história. Tanto o nome como as características desta especialidade sugerem que se trata de uma reinterpretação mais preciosa do pão. Na época romana, de fato, o termo latino buccellatum referia-se a um pão em forma circular, como de um donut feito de muitos pequenos sanduíches colocados lado a lado (os buccellae, ou seja, os “pedaços”) que formavam uma coroa.

A primeira referência à palavra buccellato  aparece em um documento de 1485 relacionado ao processo de uma mulher que matou o marido com um buccellato envenenado. Outra prova da importância do buccellato na história da cidade é a taxa que a República de Lucca impôs em 1578 sobre a sua venda, o dinheiro obtido com este novo imposto foi posteriormente utilizado para reconstruir as barragens do rio Serchio.

Mesmo o Buccellato de Lucca do século XV, em sua versão original, possuía um formato de anel que facilitava o transporte pelo antebraço na saída dos serviços religiosos. Hoje porém, o bolo tem uma forma alongada clássica que torna mais prático o transporte dentro de uma sacola.

O nome do doce de Lucca, portanto, parece derivar do nome latino de seu ancestral. O profundo vínculo com a tradição gastronômica da bela cidade toscana decretou sua inclusão na lista de Produtos Agroalimentares Tradicionais (PAT) .

Características e Produção:

Buccellato é, portanto, um pão doce enriquecido com erva-doce e passas. Possui formato alongado com corte no dorso para facilitar a fermentação. A superfície externa é brilhante e de cor marrom devido ao uso do ovo e açúcar, enquanto, internamente, o miolo é leve, macio e muito perfumado.

Passeando por Lucca é muito fácil encontrar padarias e confeitarias que preparam o Buccellato seguindo uma receita própria passada de geração em geração. O buccellato mais famoso é aquele que se compra na Pasticceria Taddeucci, refinada loja nascida em 1881. Parece um antigo armazém, com enormes vitrines abarrotadas de sobremesas, bolos e pães doces. Você pode encontrar a loja facilmente no centro histórico de Lucca, na Piazza San Michele, perto da igreja homônima.

Além disso, não devemos confundir o Buccellato de Lucca com outro Buccellato, o siciliano , cuja receita é completamente diferente.

O Buccellato pode ser comprado e consumido durante todo o ano, mas os momentos em que realmente nunca falha são aqueles relacionados com as celebrações da Exaltação da Santa Cruz e do Palio da Besta.

Na cozinha:

O sabor fresco e aromático e a consistência macia tornam o Buccellato particularmente versátil e adequado para diferentes combinações. Por exemplo, pode ser consumido acompanhado apenas de um bom copo de vinho, ou servido com chantilly e morangos, com creme e café ou com ricota e rum. Para descobrir as várias combinações e experimentar novas, pode tentar preparar o Buccellato em casa seguindo a receita proposta pelo site oficial do Turismo na Toscana.

Buccellato de Lucca

Tempo de preparação: 10 minutos
Tempo de cozimento: 45 minutos

Ingredientes

  • Para fazer o buccellato
    • 550 g  de farinha de trigo
    • 150 g de açúcar
    • 10 g de fermento fresco
    • 220 ml de água morna
    • 1 gema de ovo
    • 50 g de manteiga, em temperatura ambiente
    • 50 g de passas
    • 20 g de anis
    • 1/4 colher de chá de sal
    • Azeite de oliva extra virge
  • Para pincelar o buccellato
    • 1 clara de ovo
    • 2 colheres de sopa de água
    • 2 colheres de sopa de Açucar
  • Instruções
    • Mergulhe as passas em água morna.
    • Despeje a farinha e o açúcar na tigela grande da batedeira. Dissolva o fermento em um copo com metade da água, depois despeje na tigela e sove em velocidade baixa com o batedor de massa, adicionando aos poucos o restante da água.
    • Quando a massa tiver absorvido totalmente a água, junte a gema e a manteiga cortada em pedaços pequenos. Sove em velocidade baixa até que a massa fique lisa, mas ainda ligeiramente pegajosa.
    • Adicione eventualmente o anis, as passas espremidas e o sal e amasse apenas o suficiente para incorporá-los na massa.
    • Com as mãos untadas com óleo, retire a massa da tigela e coloque-a sobre uma tábua de madeira bem untada. Forme uma bola e coloque em uma tigela previamente regada com azeite.
    • Cubra a massa com um pano úmido e deixe repousar por cerca de três horas em local aquecido.
    • Após este tempo, deslize a massa de volta para a placa de madeira oleada, amasse delicadamente e forme uma salsicha longa e fina.
    • Forre uma assadeira com papel manteiga, coloque uma xícara no centro e enrole a massa em volta dela, depois feche as pontas para formar uma rosquinha.
    • Corte a massa ao redor, para que cresça melhor, e deixe descansar por pelo menos uma hora.
    • Pré-aqueça o forno a 180 ° C. Derreta o açúcar na água quente para fazer uma calda, despeje sobre a clara do ovo e bata com um garfo até formar uma espuma.
    • Pincele o buccellato com a calda de água, açúcar e clara de ovo e leve ao forno por cerca de 45 minutos, até dourar. Deixe esfriar completamente antes de cortar.

Você já provou? Conte o que achou nos comentários.

banner2

O Passeios na Toscana é uma empresa de venda de serviços turísticos, criada por Deyse Ribeiro, guia de turismo autorizado e especialista em turismo na Itália. Aqui você pode reservar tours particulares em português na Toscana e na Itália, além de serviços como transfers, sessões fotográficas, passeios de barco,  tours gastronômicos, aula de culinária, organização de casamentos e muito mais. Conheça nossos TOURS e EXPERIENCIAS.

Não deixe de baixar os mapas grátis da Toscana aqui!

Tags: