Lucignano, a cidade da árvore do amor

07/nov | por Deyse Ribeiro

Lucignano é uma encantadora vila medieval onde vivem 3.000 pessoas, localizada a cerca de 30 km de Arezzo, na região da Valdichiana. Aparentemente, pode parecer semelhante a muitas outros burgos fortificados da Toscana, mas Lucignano tem uma característica especial que torna imperdível.

lucignano_28

Lucignano, a cidade labirinto

O traçado urbano medieval do vilarejo se manteve praticamente inalterado ao longo dos séculos. A planta é elíptica, com ruas concêntricos e uma muralha enorme para a proteção da cidade. Olhando de cima, o centro histórico de Lucignano parece um labirinto de ruas estreitas e becos que convergem no centro da cidade, a Piazza del Tribunal.

image310

Mas seu labirinto não é o única curiosidade da cidade. Lucignano, possui uma divisão histórica em duas partes, o que reflete a história social do vilarejo. Da Porta San Giusto, e indo para a esquerda ao longo da Via Roma, ficam pequenos edifícios, uma vez habitações humildes das famílias pobres, enquanto à direita, ao longo da via Matteotti é possível veras casas imponentes da nobreza renascentista, oferecendo um cenário completamente diferente.

História

Dada a sua posição estratégica ao longo da estrada entre Siena e Arezzo, na Idade Média, as cidades de Siena, Arezzo, Florença e Perugia lutaram pelo controle do Lucignano. A história da fundação da Lucignano, no entanto, voltar muito mais para trás no tempo. Esta área já era habitada pelos povos vilanovianos e etruscos, mas a verdadeira Lucinianum castrum foi fundada no século I a.c. a mando do cônsul romano Lucio Licinio Lucullo (que nome estranho!).

lucignano_45

Porta San Giusto

Na praça principal, onde pode chegar simplesmente seguindo um dos viales que caracterizam o planejamento de Lucignano, você vai encontrar os edifícios mais importantes da cidade: o Cassero (ou Rocca) e o Palazzo Comunale  (Câmara Municipal), símbolos do poder civil; a Igreja de São Francisco e da Igreja Collegiata di San Michele Arcangelo, emblemas do poder religioso.

lucignano_24

Ao visitar Lucignano, algumas outras cidades que você pode visitar nos arredores pode ser: Monte San Savino, Marciano della Chiana, Foiano della Chiana e Sinalunga são alguns dos vilarejos fortificados desta área chamada de Valdichiana.

Um giro por Lucignano

lucignano_3

Ao chegar na cidade, estacione o carro fora dos muros, e do centro histórico de Lucignano (veja mapa no fim do texto) e entre pela Porta San Giovanni.

Esta é uma das três portas que se abrem nas muralhas que cercam o antigo castelo. A Porta San Giovanni e a Porta San Giusto são originárias de 1371. A terceira porta foi fechada, assumindo assim o nome Porta Murata, e só recentemente foi reaberta ao público.

lucignano_1

Porta San Giovanni

Entrando na cidade velha de Lucignano siga até a Piazza del Tribunale. Aqui você pode visitar a Igreja Collegiata di San Michele Arcangelo, e a Igreja de São Francisco e o Palazzo Comule, que hoje é um museu. A partir da praça pode caminhar até o Cassero.

lucignano_19

A fortaleza, também chamada de Rocca,  Cassero Senese, ou, simplesmente, Cassero é um edifício quadrado, e foi integrado no sistema de paredes construídas para proteger a cidade. A torre quadrangular mais imponente é ladeada por uma torre menor, e fica numa posição central da praça com vista para a Igreja.

lucignano_11

lucignano_21

Em frente ao Cassero há uma bela escadaria de mármore que conduz à Igreja Collegiata di San Michele Arcangelo do século XV. Dentro há belas esculturas de madeira  e as pinturas do século XVII em estilo toscano.

lucignano_17

Não muito longe está a Igreja de São Francisco em estilo gótico franciscano. O edifício da igreja é de 1240, porém a fachada possui alternância de arenito e mármore, uma grande rosácea e o portal em travertino muito bem esculpido.

Dentro de você encontrará os afrescos da escola de Siena do século XIV e XV atribuídos à Bartolo di Fredi e Taddeo di Bartolo com histórias da vida de São Francisco. O mais famoso é o cenário do “triunfo da morte” de Bartolo di Fredi.

lucignano_18

Ao lado da igreja de San Francesco fica o Palazzo Comunale, que hoje é o guardião do património artístico da Lucignano, mantendo uma coleção de obras de arte que vão desde a Idade Média ao Renascimento Toscano.

lucignano_40

lucignano_35

A obra mais preciosa é, certamente, o Albero della vita, ou seja “Árvore da Vida”, também conhecida como a “Árvore do Amor”. A árvore é uma obra-prima de ourivesaria, decorada com corais e cristais, um relicário realizado entre 1350 al 1471 por Ugolino da Vieri e Gabriello D’Antonio. Esta é a  única árvore inteiramente coberta de ouro, e, desde a idade média os casais da região Arentina costumavam fazer as suas promessas de amor de frente para a “Árvore da Vida”, que acabou, com o tempo, virando um símbolo de amor eterno.

Confesso que eu fiz, segundo o ritual, promessas de amor ali e… deu certo!

lucignano_33

A árvore é exibida dentro da sala de audiência, onde é possível também admirar um ciclo de afrescos dedicados a homens ilustres, feita por encomenda dos secretários e priores de Lucignano no século XV.

lucignano_38

lucignano_37

Eventos

Há vários eventos que marcam o calendário de Lucignano. Entre eles a Maggiolata, um desfile de carros alegóricos inteiramente decorado com flores por cada um dos quatro distritos de Lucignano. Este desfile comemora desde 1937 o início da primavera. O evento está programado para os dois últimos domingos de maio.

Outro evento interessante é o Memorie del Passato (memórias do passado), uma reencenação histórica que relembra a vida entre o final de 1800 e 1900. O evento tem lugar no último fim de semana de setembro.

Já em dezembro tem a Fiera del Ceppo, no sábado e domingo antes do Natal, um mercadinho onde encontrar os produtos locais e artesanato.

lucignano_22

Como ir:

Para chegar à Lucignano de carro:

  • do norte você deve tomar a A1 e sair em Monte San Savino, atravessar Marciano della Chiana e seguir as indicações para Lucignano.
  • do Sul, tome a A1 e saia em Valdichiana / Bettolle / Sinalunga, seguindo em direção para Siena, em seguida, na SS327, pegue a saída para RA6, e finalmente na Siena / Florença / Grosseto,  continue a seguir as indicações para Lucignano.

Para ir de ônibus a empresa de transporte é Tiemme: opção por Arezzo é o ônibus 138.

lucignano_41

Informações:

Mercado semanal: Quinta de manhã – via Matteotti
Ponto de Informações e serviços turísticos – Piazza do Tribunal n. 22 – Tel 0575 838002
Palazzo Comunale e Museu del Território
Horário de Inverno : sexta-feira – sábado – domingo 10:00 às 13:00 / 14:30-17:30
Horário de Verão: Quinta-feira – Sexta-feira – Sábado – Domingo 10:30-13:00 / 14:30-18:00
Aberto também nos feriados no meio da semana e fins de semana prolongados. Possibilidade de horário alargado mediante reserva para grupos acima de 15 pessoas.
Preço total: € 5,00.

 

*Este post contém indicações para  serviços de afiliados. Para ver nossa política de monetização, clique aqui.


Publicidade

Compartilhe este conteúdo:


Por Deyse Ribeiro
Twitter - Facebook - Google Plus - Instagram - RSS

Mapa

Participe e dê seu pitaco!