O que fazer em Arezzo + Mapa grátis

11/maio | por Deyse Ribeiro

O que fazer em Arezzo + Mapa grátis: Lista de praças, monumentos, atividades e museus da cidade, assim você pode escolher visitar o que lhe interessa. Um texto completão, um guia para aproveitar a cidade do filme “A vida é bela”.

Arezzo_21

Arezzo é uma das cidades mais ricas da Toscana, localizada no sudeste, fica no topo de uma colina, no cruzamento dos quatro vales: Val Tiberina, Casentino, Valdarno e Val di Chiana. Uma cidade tranquila, pátria de um dos grandes artistas do renascimento, Giorgio Vasari e que contém belezas arquitetônicas e artísticas importantes.

História:

muralha da cidade

muralha da cidade

Suas origens são muito antigas, desde a era paleolítica, confirmada com a descoberta de restos antigos. A etrusca Arretium (nome original etrusco) foi fundada por volta do século 9 a.c., e rapidamente se tornou uma das cidades mais importantes da Toscana, desempenhando um papel importante ao longo dos séculos devido à sua posição estratégica ao longo da Via Cassia.

Na Idade média, a cidade foi considerada ghibelina, fiel ao imperador, e que , assim como Pisa,  aderiram ao império no início do século 14. Mais tarde Arezzo foi subordinado a Florença, apesar das revoltas, o município permaneceu sob o domínio florentino, com a exceção de alguns períodos.

Arezzo_32

Parte do seu centro medieval foi destruído durante a II Guerra Mundial, mas Arezzo ainda preserva uma grande quantidade de monumentos, igrejas e museus que oferecem aos visitantes a chance de voltar atrás na história.

Clima:

Arezzo possui um clima continental com características mais acentuadas comparado com o resto da Toscana, por causa da distância do mar, colocada na metade da estrada entre o vale do rio Arno e os Apeninos (catena montanhosa). As chuvas são irregulares, dependendo das correntes húmidas do Atlântico. Leve um guarda-chuva sempre! A temperatura média dos meses de frio é de 0 a 9 graus, e nos meses de verão de 14 a 30 graus.

O que encontrar:

uma das lojinhas da cidade

uma das lojinhas da cidade

Em Arezzo você vai encontrar menos visitantes e muitos mais moradores, bem como os muitos tesouros nas cidades que desempenharam um papel importante na história da Toscana.

A Igreja de San Francesco é provavelmente a construção mais famosa em Arezzo, pois possui um incrível ciclo de afrescos do início da Renascimento de Piero della Francesca, representando a Lenda da Verdadeira Cruz. Ainda não deixe de visitar a Fortaleza Medicea, a Catedral dedicada a São Donato, em seguida, o Anfiteatro Romano e a Igreja de San Domenico, com o crucifixo de madeira de Cimabue.

Cidades Próximas:

Mapa de Anghiari

Anghiari

Ao visitar Arezzo, você pode conhecer próximo outras cidades como: Cortona, Lucignano, Anghiari (ja falei dela aqui), Monterchi e Sansepolcro (se você gosta de Piero della Francesca) e o belo castelo de Poppi – estas são apenas algumas das mais belas cidades da província de Arezzo que esperam para ser descoberto em sua viagem Toscana.

O que fazer:

Monumento de Cosimo I de Medici

Monumento de Cosimo I de Medici

Abaixo vou fazer uma listagem do que fazer em Arezzo, como praças, monumentos e museus, assim você pode escolher o que visitar segundo o seu interesse. Ainda inclui algumas atividades que acredito, sejam interessantes.

Não deixe de fazer o download no Mapa Grátis de Arezzo, nele há todas as informações.

clique e faça e baixe os mapas grátis

clique e faça e baixe os mapas grátis

Atenção: Os números dos locais abaixo se referem aos números marcados no mapa, assim fica mais fácil localiza-lo e marcar no mapa aquilo que lhe interessa visitar. Mas a ordem, eu coloquei como num trajeto pela cidade, colocando aquilo que é mais próximo primeiro. Todas as informações relativas aos horários dos museus e preços de entrada se encontram no mapa.

Este slideshow necessita de JavaScript.

4. Duomo o Catedral: está localizada no topo da colina de Arezzo próximo à Fortaleza e os “Prato” (jardins). Devido à sua posição, você pode vê-lo de todos os lugares. A catedral foi iniciada no século 13, concluída no século 16, mas sua fachada foi realizada no século 20, e é dedicado a São Donato, patrono da cidade. O altar ornamental é ladeado à esquerda por um afresco precioso de Maria Madalena, de Piero della Francesca  e a Arca de São Donato, uma ópera de mármore realizada no século 14 por vários artistas de Arezzo, Siena e Florença, e dedicado ao santo patrono da cidade. Veja ainda a Cappella della Madonna del Conforto, perto do corredor norte,​​ há cinco esplêndidas terracotas realizadas por Andrea della Robbia, conhecido pelas sus maravilhosas “terracotte invetriate” e do túmulo Papa Gregório X. Mas uma das coisas que muitos dos seus visitantes ficam impressionados são os vitrais dessa igreja, realizados por Guillaume de Marcillat, um dos grandes mestres da época. Fica aberta das 06:30 as 12:30 e das 15 as 18 hs. Entrada grátis. Visitei essa catedral diversas vezes e vale a visita.

12. Mudas Museu – Museo Diocesano di Arte Sacra: este é o Museu di arte sacra da cidade, e possui 3 crucifixos do século XII, muito raros e várias pinturas e afrescos de temas religiosos do século 12 ao 16, além de instrumentos religiosos como cálices e vestimentas eclesiácticas. Nas minhas visitas a cidade, eu ainda não tive a oportunidade de visitar. Veja custo e horários no mapa.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Veja a melhor vista da cidade e relaxe –  7. Passeggio del Prato e Monumento a Petrarca – atrás da Catedral, fica uma jardim público, nesta parte da cidade que é a mais alta, é possível ter uma linda vista da cidade (chamado de Passeggio del Prato), onde fica o Monumento a Francesco Petrarca, poeta, um dos pais da lingua italiana, realizada em 1928.

Arezzo_237

É um lugar calmo e tranquilo, onde descansar e seguir o ritmo calmo da cidade, se você for no outono, como eu vai encontrar as folhas de outono no jardim e dá um efeito maravilhoso para fotos!

Este slideshow necessita de JavaScript.

8. Fortezza Medicea: é a Fortaleza da cidade que fica ao fim da Passeggiata sul Prato, foi construída sobre restos romanos, interessante é que eles são visíveis do lado de fora da Fortaleza. Foi projetada no início do século 16, depois da última rebelião arentina contra o domínio dos Médice em 1502 e foi realizada pelo arquiteto fiorentino Giuliano da Sangallo e pelo seu irmão Antônio. Outro local ideal para fotos da cidade! –  no momento as visitas a Fortaleza estão suspensas por causa de trabalhos de escavação arqueológica.

Arezzo_117

5. Palazzo del Comune: realizado em 1333, e possui uma Torre de 1337. Na sua fachada, possui os brasões dos podestá (que comandavam a cidade) e dos comissários mandados pelos Mécide. Funciona ainda como prefeitura da cidade, logo na entrada ha uma replica de uma estátua de uma quimera de origem etrusca encontrada em Arezzo e hoje no Museu Arqueológico de Florença.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Logo ao lado, fica o ponto de informação da cidade, onde ha exemplo de roupas usadas na “Giostra del Saracino” (falo dela no final do texto) e uma armadura, para quem gosta de tirar fotos.

Atras do Palazzo del Comune fica o – 33 – Museo dei Mezzi di Comunicazione – formada pela coleção da família Casi, colecionadores (veja o site aqui), possui peças que contam a história das comunicações, desde o pré-cinema ao cinema moderno, as máquinas de música mecânica e aqueles para o cálculo, a televisão, o computador, além do telefone celular. Eu ainda não visitei. Para visita-lo deve reservar, ligando para o número: 0575377662. Veja custo e horários no mapa.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Veja o maravilhoso crucifixo de Cimabue 1. Chiesa di San Domenico – a Igreja de São Domenico, que fica na praça de mesmo nome, vale a visita, ela possui uma fachada da austera e muito irregular. A surpresa fica mesmo dentro, com o maravilhoso crucifixo de Cimabue (1260-1265), uma de suas primeiras peças, e de afrescos de Spinello Aretino, mantidos em condições muito boas, além de uma estátua de San Pietro Martire esculpido pela oficina dos “Della Robbia” em que São Pedro é representado com uma espada na cabeça.

como eu não

como eu não tinha uma boa máquina quando viajei, tive que usar uma foto do Wikipedia Comuns

Pra mim ficar de frente com algo que estudei tanto, como eu com esse crucifixo, um exemplo de Christus patiens (cristo que sofre), e um dos mais importantes da história da arte italiana foi realmente uma emoção!

20. Casa Vasari: foi a casa do famoso arquiteto, pintor e biógrafo Giorgio Vasari, que nasceu em Arezzo em 1511. Foi um dos artistas prediletos de Cosimo I de’Medici. Ele mesmo curou a arquitetura e a decoração da sua casa, afrescando algumas das salas. Em 1911 ela foi comprada pelo Estado Italiano, e passou a ser Museu, e conserva inúmeras obras de outros artistas importantes, que fazia parte da coleção de Vasari, além de vários desenhos. Pra quem gosta de afrescos é um passeio imperdível! Veja no mapa horários e preços. Viste o site oficial.

Este slideshow necessita de JavaScript.

36. Museo Statale D’Arte Medievale e Moderna: possui a coleção de esculturas, pinturas e afrescos de Palácios da região de Arezzo, nele encontramos obras de  Giorgio Vasari, Margaritone, Spinello Aretino, Parri di Spinello, Bartolomeo della Gatta, Luca Signorelli, Guido da Siena e Lorentino d’Andrea. Ainda estão presentes no museu algumas maiolicas, cristaleiras, moedas, armas e esculturas de bronze. Não foi um dos meus museus preferidos, como há sempre uma exposição temporária, veja se no momento há um tema que lhe interessa, quando eu fui estava tendo uma exposição de Vasari, me interessava e visitei. Visite o site oficial aqui, e veja no mapa horários e preços.

3. Chiesa di Santíssima Annunziata: Esta igreja este está localizado na via Garibaldi e foi construída seguindo um projeto por Bartolomeo della Gatta, mas foi completado por Antonio Sangallo, grande arquiteto renascentista. Em sua fachada, fica a  Anunciação, obra de Spinello Aretino.

Este slideshow necessita de JavaScript.

14. Basilica di San Francesco: foi construída no século 14. Ha várias operas maravilhosas nesta Igreja, várias capelas com afrescos maravilhosos de artistas como Spinello Arentino, mas o que traz mais visitantes, sem dúvidas é obra de Piero della Francesca, que foi contratado para pintar um ciclo de afrescos de 10 cenas, com o nome “Leggende della Vera Croce”, realizadas entre 1453e 1464 na Capela da família Bacci. As imagens mostram personagens relacionadas com esta lenda medieval, a “Lenda da Verdadeira Cruz” que conta a história da madeira sobre a qual Cristo foi crucificado, muitas vezes proferidas na literatura e representado na arte. A versão mais conhecida é a que faz parte da Lenda dourada de Jacopo da Voragine, ópera composta no século XIII. A lenda começa com Adão, que, perto da morte, enviou seu filho Seth ao Paraiso para obter o óleo da misericórdia como incentivo à morte pacífica.

Arezzo_194

Felizmente os incêndios, terremotos e bombardeios não foram capazes de nos impedir de aprecia-lo. Há duas opções para visualizar os afrescos, você pode simplesmente observá-los de longe atrás de um cordão ou comprar um ingresso, que permite 25 visitantes a cada 30 minutos no local. Imperdível! Na época da minha visita não era possível fotografar os afrescos de Piero della Francesca, o que tenho fiz “escondido”.

Ha opção de bilhetes combinados que incluem visitas aos afrescos da Chiesa di San Francesco, o Museu Arqueológico, Museo Statale d’Arte Medievale e Moderna e Museo di Casa Vasari. Veja no mapa horários e preços.

12 . Galleria Comunale di Arte Moderna e Contemporânea: contém operas do período entre as 2 grande guerras mundiais até o período recente com tendências so mundo creativo contemporâneo. Entrada gratuita. Ainda não visitei.

Este slideshow necessita de JavaScript.

10. Chiesa di San Maria della Pieve ou Pieve di Santa Maria: construção românica que começou depois de 1140 e durou até o início de 1300. A torre do sino, conhecida como “delle cento buche”, ou “dos cem buracos” por causa das muitas janelas bíforas, foi construída em 1330. Na fachada existem esculturas de Domenico Marchionne. Dentro você pode admirar um belo retábulo de Pietro Lorenzetti (1320); na cripta abriga o relicário de San Donato (que contém seu crânio) feito em prata do século 14, um crucifixo do século 13. Aberta de maio a setembro das 08:00 as13:00 e as 15 as 17 e no resto do ano das 8:30 as 12 e das 15 as 18.

Arezzo_41

Basta atravessar a rua ao sair da igreja e encontrará a – 31. Casa Museo di Ivan Bruschi –  Ela mostra uma coleção de obras de arte e antiguidades construídas pelo fundador da Feira de antiguidades de Arezzo (falo dela abaixo), e possui um coleção de artefatos que vão desde o período pré-histórico até o final de antiguidade. Para saber horários e preços veja o mapa. Visite o site oficial.

Arezzo_18

Logo de frente ao –  9. Palazzo Pretório – começa o imponente Palazzo delle Logge, mais conhecido como – 30. Logge del Vasari – o maior edifício renascentista da cidade e construído por Giorgio Vasari (o autor do Corredor Vasariano e tantas outras obras em Florença), que nos leva ao coração da cidade, a Piazza Grande, uma das mais bonitas da Itália.

Arezzo_17

Rodeada por edifícios de diferentes períodos que vão desde a Idade Média até o Barroco, em que se destacam como uma coroa a Loggia de Vasari, a praça tem uma forma trapezoidal e é bastante inclinada. Aqui duas vezes por ano, em junho e setembro, comemora-se a tradicional Giostra del Saracino (veja no final do texto) que evoca passado medieval da cidade. Ali também acontece a a famosa Feira de antiguidades (saiba mais abaixo) que acontece uma vez por mês. Esta praça também é muito famosa porque foi filmado aqui várias cenas do filme “La vita é bella” de Roberto Benigni.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Ja do século 16, temos na praça o –  28. Palazzetto della Fraternità dei Laici  – que domina a praça. Este palácio apresenta uma fachada que se assemelha ao de uma igreja e é uma colcha de retalhos de estilos, pois o edifício foi iniciado em estilo gótico no século 14 e acabados em estilo renascentista. Ainda há uma pequena torre com um sino, desenhado por Vasari (XVI sec.), que possui um relógio de Felice da Fossato, que indica a hora, data e fases da lua, realizadas de acordo com a concepção tolemaica do  universo, com a terra no centro em torno do qual giram o sol e a lua.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Foi construído para ser sede da maior instituição de assistência da cidade e hoje funciona como um pequeno museu, há ao interno obras como a Madonna della Misericordia de Spinello Arentino. É possível (em alguns horários é possível visitar o interno do relógio). Viste o site. Horários e preços da visita veja no mapa.

Arezzo_30

Palazzetto della Fraternità dei Laici

Não deixe de fazer o download no Mapa Grátis de Arezzo, nele há todas as informações.

clique e faça e baixe os mapas grátis

clique e faça e baixe os mapas grátis

6 – Casa Museo Petrarca: O poeta, um dos pais da língua italiana, de fato, nasceu em Arezzo neste edifício: o edifício não é mais o original da Idade Média, mas foi reconstruída no século XVI. Possui ao interno um pequeno museu, biblioteca, centro de pesquisa sobre Petrarca. Horários e preços veja no mapa. Ainda não visitei.

15 – Museo della Fauna Selvaggia di Arezzo: No interior do Palácio da Província, a exposição permanente de animais selvagens, inaugurada em 2007, vem de um trabalho cuidadoso feito pela equipe da Província de Arezzo, em colaboração com peritos da museologia científica. A coleção é composta de cerca de 600 animais entre aves e mamíferos. Viste o site. Horários e preços veja no mapa.  Ainda não visitei.

Arezzo_203

37 – Museo Archeologico:  faça um saldo ao passado romano visitando o museu arqueológico fica em um edifício que já foi um convento. Aqui relíquias são preservadas do período Paleolítico, Neolítico, Etrusco (moedas, bronzes, mosaicos), e Romanos. Interessante coleção de vasos de coral, produzidos na época romana e da recolha de “graves” e moedas romanas. Possui o famoso Cratere di Euphronios representando Hércules do século 6 a.C. Interessante para quem gosta de arqueologia e ótimo para compreender melhor os etruscos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Do museu é possível ver assim os vestígios do – 20. Anfiteatro romano – que poderia acomodar cerca de 10.000 pessoas e foi realizado entre o I e o II século d.c. Apesar da negligência e saques sofridos ao longo do tempo, ainda é possível ver a platéia e a parte do ambulatório. Na parte sul do Anfiteatro na Idade Média foi construído o Mosteiro de San Bernardo que agora abriga o Museu Arqueológico.

Um museu privado que pode ser interessante é o – 30 – Museo Gori e Zucchi (UnoAerre) – é o primeiro museu italiano de ourivesaria com uma grande coleção, fica no showroom da marca UniAerre (visite o site).

Culinária:

A natureza deu aos montes Arezzo, vinhas, pomares, e animais selvagens, por isso possui uma cozinha saudável com massas caseiras, carnes, queijos, legumes e bom vinho. Faz também parte da culinária argentina pratos pobres da (cucina povera) italiana: como o crostini com fígado de galinha (fegattini) e embutidos da região de Casentino; além da sopa Acquacotta (ovos, pão, queijo e cogumelos) ou pappardelle (tipo de massa) com molho de lebre ou ao molho de “ocio” (ganso ou de frango), nhoque de ricota e espinafre, bringoli ou pici (tipos de massa) com vários molhos. Nos molhos ou como segundo prato, está a carne bovina Chianina, os Griffi” muso do vitelo temperado com especiarias e tomate, uma boa selecção de queijos, incluindo abbucciato fiorentino. O doce típico da Arezzo e da província é o Gattò aretino, bolo enrolado (tipo rocambole) de pão de ló embebido com chocolate e alchermes.

dicas

Existem muitos bons restaurantes em Arezzo, destacam-se algumas opções que eu testei e gostei. Para os paladares mais refinados experimentem o Restaurante Logge Vasari na Piaza Grande, o local realmente impressionante sob o loggia Vasari (infelizmente não tenho fotos). A comida é excelente, os pratos são mesmo caseiros (até mesmo os chocolates). Não é a opção mais barata.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Para aqueles que procuram algo mais “trattoria” sugiro a Antica Osteria l’Agania, onde você se cozinha comida típica aretina com entradas simples, pratos de carne de caça, sobremesas e muito bons preços.

Uma dica é fazer um bom sanduíche nos paninaios da cidade ou comprar queijos e vinhos nas Fiascherias. Tá na Itália? Faça como os italianos e aproveite a culinária local.

Não deixe de ser perder nas lojinhas da cidade!

Vinhos:

A região de Arezzo possui vinícolas de alta qualidade que produzem vinhos como Colli della Toscana IGT, o Chianti Colli Aretini DOCG,  Valdichiana DOC, Valdarno di Sopra DOC, Colli dell’Etruria Centrale DOC, Cortona DOC. Ainda há vinhos doces como  Vinsanto del Chianti Colli dei Aretini Occhio di Pernice DOC.

Eventos:

Primeiro domingo de cada mês: uma característica da cidade é a sua Feira de antiguidades da Arezzo. No primeiro domingo do mês nos últimos 40 anos, a Piazza Grande e seus arredores tem sido preenchido com uma enorme feira de antiguidades. Os mercados ao ar livre da Feira de Antiguidades inclui todos os tipos de coleções inusitadas, desde móveis a jóias, e atrair até 20.000 pessoas. Foi uma feliz idéia do colecionador da cidade Ivan Bruschi (lembrem-se, tem o museu dele na cidade) em 1968, e hoje cobre Piazza San Francesco, via Cesalpino, Piazza Grande e Corso Itália. Na verdade, há uma abundância de lojas de antiguidades em Arezzo, onde autênticas antiguidades superam quaisquer lembranças produzidos em massa.

Giostra del Saracino Fonte: Wikipedia Commons

Giostra del Saracino
Fonte: Wikipedia Commons

No penultimo sábado de junho, e primeiro domingo de setembro: na  Piazza Grande ocorre a Giostra del Saracino, uma reconstituição de um torneio de medieval, célebre por sua disputa com longas lanças e de jogos de bandeira. Realizada no penúltimo sábado de junho (Giostra di San Donato) e no primeiro domingo de setembro (Giostra di settembre), o espectáculo dramático vê a disputa dos quatro distritos da cidade, cada um com suas, armados com lanças, os cavalheiros vestidos com efígies sarracenas. Infelizmente ainda não pude participar desta festa, mas espero poder este ano.

Giostra del Saracino Fonte: Wikipedia Commons

Giostra del Saracino
Fonte: Wikipedia Commons

Um outro dia de festa é o dia 7 de agosto, dia do patrono, San Donato.

Em julho: Arezzo Wave Festival que reúne artistas da Itália e da cena música internacional.

Onde Dormir:

Arezzo_88

Podere di Pomaio Green Winery

Um pouco de fora das cidades mais movimentados da Toscana, Arezzo é um destino para os amantes do turismo de qualidade e está equipado com uma boa disponibilidade de hotéis. No centro histórico e nas imediações há mais de 50 hotéis, casas e B & B. Normalmente não há problemas de disponibilidade, que podem surgir durante a alta temporada (primavera e início do outono) e durante os eventos mais importantes da cidade. Um quarto em um hotel de 3 estrelas na parte histórica pode custar 50 euros por noite. Veja ofertas de hotéis em Arezzo no nosso parceiro, o Booking.com com fotos, serviços, preços e comentários de quem já esteve.

Eu dormi no Podere di Pomaio Green Winery , e super recomendo. É uma vinícola que aluga uma casa de pedra super confortável e romântica, com uma vista incrível da cidade. Fica fora do centro, mas vale a pena. Vou fazer um texto sobre esta hospedagem, aguarde.

Arezzo_89

vista de Arezzo do Podere di Pomaio Green Winery

Logo logo vou fazer um texto sobre como ir a Arezzo, portanto aguarde!

Não deixe de fazer o download no Mapa Grátis de Arezzo, nele há todas as informações.

clique e faça e baixe os mapas grátis

clique e faça e baixe os mapas grátis

E você ja foi em Arezzo? Tem alguma dúvida? Dê o seu pitaco ai embaixo!



Publicidade

Compartilhe este conteúdo:


Por Deyse Ribeiro
Twitter - Facebook - Google Plus - Instagram - RSS

Participe e dê seu pitaco!