A festa da Befana na Itália, como nasceu a lenda?

Você já ouviu falar da Festa della Befana? Conheça a história da A festa da Befana na Itália, como nasceu a lenda?

Aqui na Itália, logo após o Natal as casas se enchem de meias penduradas nas janelas e portas, são as crianças que esperam a Befana, e se foram boazinhas durante o ano, receberão um presente… e o presente é sempre um doce! humm

Mas onde nasceu a lenda da Befana ?

A primeira vez que se falou em “Befana”, foi já no séc. XIV, quando Francesco Berni, a descreveu como um “tipo de fantoche exposto na noite antecedente a epifania”. Tradicionalmente, esta é a noite em que os Reis Magos visitam Jesus.

*Wikipedia Commons
*Wikipedia Commons

A origem da Lenda

As origens da lenda da Epifania são pagãs. Nos tempos antigos, os romanos acreditavam que no prazo de 12 dias após o solstício de inverno seria celebrado a morte e renascimento da Mãe Natureza. E mais uma vez de acordo com os nossos antepassados, as doze figuras femininas lideradas por Diana, a deusa da lua e da vegetação, voariam sobre os campos para torná-los férteis.

Obviamente, a Igreja condenou essas crenças como más influências diabólicas e do mal. E através de misturas das religiões ao longo dos séculos na Idade Média, chegou-se à Befana  de hoje, uma velhinha boazinha, mas próxima a imagem de uma bruxa boa.

befana

Este aspecto da idosa pode ter surgido como uma representação do “ano passado”. Quase todos os lugares da que se comemora hoje a Epifania, a befana é representada por um boneca de madeira vestida como uma idosa.

Outras fontes

Há também outras versões da lenda da Befana: argumenta-se que nasceu de um festival romano ligado à troca de presentes. Outros acreditam que está relacionado com as deusas mitológicas germânicas da natureza invernal, das amigas Holda e Berchta.

*Wikipedia Commons
*Wikipedia Commons

Enquanto na versão “católica”, a lenda nasce com a história dos Reis Magos que durante a sua viagem a Belém para conhecer o menino Jesus e doar os presentes, eles se perdem na estrada e encontram uma senhora idosa que lhes ajudou, porém não quis acompanha-los. Depois essa senhora se sentou em culpa por não poder acompanha-los e decidiu levar também um presente a Jesus, mas não encontrando os Magos e nem a manjedoura, decidiu parar em todas as casas para dar doces para todas as crianças. Desde então, de acordo com esta lenda, a Befana passou a girar o mundo dando presentes a todas as crianças.

Ela trás doces

*Wikipedia Commons
*Wikipedia Commons

Hoje porém a tradição diz que noite entre os dias 5 e 6 de janeiro uma senhora idosa, suba em sua vassoura e vai de casa em casa para deixar doces e presentes para as crianças boas e carvão (hoje se dá um doce em forma de carvão de cor preta) para as crianças que não se comportaram bem.

No resto da Itália e na Europa

Em muitos países da Europa é uso queimar o boneco coberto de roupas usadas no início do ano. Às vezes é  dentro do boneco vai recheado com doces.

Befana em Gubbio *Wikipedia Commons
Befana em Gubbio
*Wikipedia Commons

Sempre associado a esta festa, em Bolonha para comemorar o Réveillon (capodanno em italiano) acontece a festa do Falò del Veglione, ou Fogueira do Ano Novo, enquanto em Varallo no Piemonte, no dia 6 de janeiro para o início do carnaval, ele faz uma outra fogueira.

Minha experiencia

A primeira vez que ouvi falar da Festa da Befana, no meu primeiro Natal na Itália, acreditei que era a festa de alguém de verdade (podem rir), mas meu namorado, hoje meu marido, me explicou sobre a festa. Neste dia, não me esqueço eu estava mais animada que as crianças da casa pra conhecer a Befana.

Hoje a igreja organiza a passagem da Befana nas casas por aqui, um voluntário(a) se veste como uma senhora muito velhinha, curvada, com uma vassoura na mão e um lenço na cabeça, como as mulheres aqui usavam, e acompanhada por um grupo animado. A Befana passa de casa em casa dando um saquinho de doces para cada criança e pergunta aos pais se ela merece doce ou carvão (o doce em forma de carvão que disse acima).

befana e alessio

Os mais velhos me contaram que até os anos 60/70, aqui na Toscana, a troca de presentes que fazemos hoje no Natal, acontecia na verdade no dia da Befana (6 de janeiro), porque é nesse dia que o menino Jesus recebeu o seu, faz sentido! Mas que com a moda europeia e de outras regiões italianas é de festejar no dia 25 acabou-se por mudar e a troca de presente é mesmo no Natal.

regalo befana
Meu sobrinho foi bonzinho e ganhou muitos doces!!!

Veja o vídeo da Marisa me contando sobre como era a festa da Befana:

E ai, você vai ganhar doce ou carvão?

BEFANA

2 comentários em “A festa da Befana na Itália, como nasceu a lenda?”

  1. Pingback: CALENDÁRIO DE EVENTOS, FESTAS E MANIFESTAÇÕES CULTURAIS NA TOSCANA | Passeios Na Toscana

  2. Pingback: Eventos de janeiro na Toscana | Passeios Na Toscana

  3. Já passei a festa da Befana aqui em Rimini e achei muito bacana mas engraçado tb.
    Ver as velhinhas chegando do mar, nesse caso homens vestidos de velhas foi bem divertido. Esse ano por força do destino estaremos aqui outra vez e
    com minha sobrinha que está super animada.
    Vai se bem interessante para ela.

    Bjs
    Dani Bispo

    1. Obrigada Dani pela visita e pelo comentário. Olha que eu ainda tenho dificuldade de conceber bem a ideia da befana como bruxinha boa, pode ser pelo minha cultura sul-americana que toda bruxa é ma! Hahah. Escrever esse texto foi pra mim uma busca de um porque “befana?”. Mas confesso que trocar presentes no dia 6 de janeiro teria muito mais senso que no dia de Natal segundo a tradição católica ja que os Reis Magos presentearam jesus neste dia. Boa befana entao, quero ver as fotos dai. Encontra a Maria do Viagem na Italia que ela mora em Rimini. Bjo

  4. Pingback: 05/01 Buona Befana | Cartomantes de Sara

  5. Pingback: Como fiz mestrado na Itália | How I studied masters in Italy - Brazilians in Europe

  6. Pingback: La Befana - lenda italiana

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.