As cidades mais românticas da Toscana

07/fev | por Deyse Ribeiro

Como estamos chegando próximo ao Dia de São Valentim aqui na Itália, quando se comemora o dia dos Namorados, nada mais apropriado que indicar as cidades mais românticas da Toscana para uma “fuga de amor”, cidades que em qualquer época do ano são apropriadas para uma viagem a dois.

Love is in the air! – é o que eu digo, a Toscana é muito romântica! #love #passeiosnatoscana #Toscana #italia #tuscany #amor #italy #europa #guiadatoscana #ToscanaParaBrasileiros #igerstoscana

Uma foto publicada por Passeios Na Toscana (@passeiosnatoscana) em

Quer saber por que se comemora o dia de São Valentino o dia dos namorados? Veja aqui

Eu gosto muito de viajar com meu melhor companheiro de viagem, meu marido, e adoro escolher lugares românticos para passar ao menos, de vez em quando, um final de semana fora. E, muitos leitores e amigos me pedem pra dizer quais as cidades mais românticas na Toscana. Bom, pra mim é difícil dizer, pois a Toscana inteira merece estar na lista, mas tive que, em modo muito difícil, escolher algumas. Confesso que a lista ficou grande, mas não é minha culpa, e sim da beleza dessa região!

Então aí vai uma lista das cidades que eu considero  as 10 cidades mais românticas da Toscana:

1. Lucignano:

Vista de Lucignano

Vista de Lucignano

Lucignano é uma pequena vila no topo de uma colina com vista para a área de Val di Chiana, entre Siena e Arezzo. Possui uma muralha medieval característica ao redor da cidade.

O lugar é muito bonito e é perfeito para uma viagem romântica, além disso também preserva um grande tesouro chamado a “Árvore da Vida”, também conhecida como a “Árvore do Amor”, ou da “Árvore de ouro”. A árvore é uma obra-prima de ourivesaria, decorada com corais e cristais, um relicário realizado entre 1350 al 1471 por Ugolino da Vieri e Gabriello D’Antonio. Esta é a  única árvore inteiramente coberta de ouro, e, desde a idade média os casais da região Arentina costumavam fazer as suas promessas de amor de frente a “Árvore da Vida”, que acabou com um tempo virando um símbolo de amor eterno. Confesso que nós fizemos, segundo o ritual, promessas de amor ali, e… deu certo!

Este slideshow necessita de JavaScript.

O “Albero della Vita”, ou em português “Árvore da vida” se encontra no Museo Comunale di Lucignano, que no inverno fica aberto sextas, sábados e domingos das 10,00 as 13,00 e das 14,30 as 17,30.

2. Florença

Florença_11

Por mais que Florença tenha se tornado uma cidade muito turística, eu ainda vejo muito romantismo no ar. Caminhar pelas ruas, estar sempre de frente a belíssimas obras de arte, seus cafés sempre cheios de glamour, praças maravilhosas, pra mim é como se pudesse ouvir Dante a declarar seu amor por Beatriz em cada esquina.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Alguns dos meus lugares preferidos e mais românticos são: Piazzale Michelangelo, com a sua vista maravilhosa da cidade, mas também uma linda vista oferece o Jardim Bardini. Ainda adoro sentar nos cafés da Piazza della República, tomar um chocolate quente no Rivoire na Pizza della Signoria admirando as esculturas. Não pode faltar na lista, claro, a visita a Igrejinha de Santa Margherita de 1032. Nesta igrejinha Dante e Beatriz se conheceram e é onde se encontra a lápide da mulher tão amada por Dante Alighieri, autor da Divina Comédia. De frente ao túmulo de Beatriz se encontra uma cesta de palha onde todos os dias as pessoas deixam cartas de amor e pedidos a Beatriz.

3. Pienza

pienza_17

Uma das cidade Patrimônio Mundial da UNESCO desde 1996, a cidade possui uma espetacular arquitetura, pois foi uma cidade planejada pelo Papa Pio II. A vista da cidade em si já vale a viagem, é e-s-p-e-t-a-c-u-l-a-r! Dê um passeio em torno das muralhas da cidade e veja o Monte Amiata no horizonte. Uma das coisas mais pitorescas de Pienza é o nome das suas ruas, procure pela Via dell’Amore (rua do amor) e Via del Bacio (rua do beijo) e aqueça seu coração …

Este slideshow necessita de JavaScript.

Casas de pedra, ruas tortas, são o lar de lojas pequenas, cafés e restaurantes. Aproveite o tempo para explorar e descobrí-los pouco a pouco. Uma especialidade local para procurar é o queijo pecorino, de ovelha. Quer um conselho? Compre queijos, geléias (o pecorino fica ideal com geléias), vinho, embutidos, pão, azeite e leve para o seu hotel, acenda a lareira e brinde com o seu amado… que jantar que nada… aproveite a viagem! hahah

Foi em Pienza que Franco Zeffirelli filmou seu maior romance… Romeu e Julieta!

4. Cortona

cortona_2

Cortona está localizada na parte sudeste da Toscana, com vista para o Valdichiana onde em 180 graus se pode ver as fronteiras da Umbria, revelando o lago Trasimeno. É como abrir o mundo sob seus pés, perdendo o olhar em paisagens infinitas. Andar pelas ruas pitorescas, sentar-se sob um pedaço de história, enquanto saboreia um coquetel, ou almoçar em restaurantes familiares, onde você pode sentir o calor do povo, ou visitar as belas igrejas, museus, comprar jóias feitas à mão, ou ouvir um concerto,  beber um fabuloso Syrah local, esta é Cortona, uma cidade que ainda mantém um charme medieval e sua herança etrusca. Tudo misturado, é essa a essência que faz todos amarem a Toscana não é?
Não é à toa que André Rieu escolheu Cortona como a cidade para fazer seu show ao aberto, que virou DVD, chamado Romantic Paradise (eu indico aliás). 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cortona tornou-se o assunto do livro best-seller  “Sob o Sol da Toscana”, e em seguida, o set do filme, graças à escritora Frances Mayes. Uma história autobiográfica que tocou os corações de muitos leitores, trazendo milhões de turistas para Cortona e, claro, aumentando ainda mais esse fama “romântica” da cidade.

5. Arezzo

Arezzo_16

Arezzo é uma das mais belas cidades da Toscana, mantém o seu encanto medieval. As muralhas do século XIII ainda são visíveis em algumas áreas. Arezzo não é nem muito grande nem muito pequena e preserva tradições antigas: as lojas fecham na hora do almoço, pequenos mercados são realizados em várias partes da cidade a cada semana e ainda há festas medievais para recordar o seu passado histórico.

É uma cidade “em uma escala humana”, onde há sempre algo interessante para fazer, ou para descobrir a cada semana e, especialmente nos fins de semana. Apesar de sua população chega a 100 000 habitantes, Arezzo é menor do que a outras famosas cidades da Toscana, e talvez por causa disso os restaurantes e hotéis são mais baratos. No entanto, é muito animada, com muitos bares, livrarias, lojas muito agradáveis, cinema e, claro, sorveterias onde se pode apreciar os lendários sorvetes italianos. O turismo, embora presente, é menos invasivo do que a outra cidade e seus moradores são muito acolhedores e abertos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Incluí Arezzo na minha lista porque há hotéis magníficos no centro histórico e fora dele (um pra mim que foi inesquecível, conto no próximo texto), onde jantar à luz de velas, passear de mãos dadas observando o ritmo da vida Toscana e ainda aproveitar para ver belas obras de arte. E ainda, caminhar pelas ruas da cidade me lembra uma linda história de amor que foi filmada lá… quem não se lembra de Roberto Benigni com seu “buongiorno principessa!”, pois é, em Arezzo foi filmado “A Vida é Bela” acho que já tem motivos de sobra para visitá-la!

6. Bagno Vignone

bagno vignoni

Entre os muitos destinos termais na Toscana, eu recomendo Bagno Vignoni, bonita e peculiar cidade medieval novamente no Val d’Orcia. O Val d’Orcia em si, na verdade, oferece uma grande variedade de lugares para desfrutar de horas de romance absoluto. Bagno Vignoni é extraordinária não apenas pelas suas fenomenais nascentes de água quente, mas também para a sua atmosfera intrigante.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A praça principal é ocupada por uma antiga e cenográfica piscina de pedras, com águas quentes borbulhantes na superfície. Muitas vezes, em determinados momentos do dia, a piscina é toda permeada por uma névoa sugestiva. Essa é uma ótima opção para desfrutar especialmente em dias frios de inverno; fora está frio, enquanto você pode entrar no spa do Albergo le Terme por exemplo e fazer um banho termal abraçadinho ao seu amor…

7. Bolgheri

Bolgheri_3

Uma cidade vinícola é por si só já um local romântico não é? Agora imagina uma cidade romântica, próxima ao mar,  com vinhos excelentes, pitoresca, com poucos turistas e cheia de hotéis românticos, essa é Bolgheri. A cidadezinha está espalhada em torno de um belo castelo que dá nome à cidade. A estrada que leva ao castelo e a cidade, chamada Strada Bolgherese, mas conhecida mesmo por Viale dei Cipressi, é uma estrada famosa na Toscana, pelos seus ciprestes e por sua beleza, no final deste Viale, em direção ja ao mar, fica o pequeno oratório de San Guido. O interessante é que o poeta Giosué Carducci, dedicou uma linda poesia a esta Via:

“I cipressi che a Bólgheri alti e schietti
Van da San Guido in duplice filar,
Quasi in corsa giganti giovinetti
Mi balzarono incontro e mi guardâr.”

A cidade é bem pequena, mas tem um centro muito pitoresco. O história da cidade é bem antiga e ficou famosa por um personagem conhecido na Itália, mas pouco no Brasil, que foi o Conte della Gherardesca. A cidade, que pertence ao comune di Castagneto Carducci, que leva o nome do famoso poeta italiano, e esta a 400 metros acima do nível do mar.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Em Bolgheri também se produz um dos vinhos mais importantes e prestigiados da Itália, o Bolgheri Sassicaia DOC. Não é só o famoso Sassicaia que é produzido nesta região, mas existem várias vinícolas, vale a pena experimentar o Bolgheri Doc, feito com uvas internacionais como Caberbet Franc, Cabernet Sauvignon, Merlot, etc, no estilo bordolês. Na cidade existem vários bons restaurantes!

8. Volterra

capavolterra

Volterra, uma cidade romântica que oferece aos visitantes um vislumbre de seu caráter tipicamente medieval, é repleto de praças, palácios e torres. Esta misteriosa cidade nos permite dar um passo para trás no tempo e nos colocar como em um cenário perfeito para um romance. Dentro das ruas e vielas do seu centro histórico do século XIV, você encontrará palácios medievais e renascentistas, igrejas e museus, ruínas etruscas, túneis subterrâneos e passagens secretas.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A Porta di San Francesco é uma da poucas portas na Toscana que ainda tem seus afrescos notáveis intactos. Você pode passear pela Via Franceschini até chegar a Piazza Priori, que é o coração espiritual da cidade, abriga o Palazzo dei Priori, um imponente jóia arquitetônica de 1208. Em seguida, caminhar ao longo Vicolo Mazzoni, o beco onde protagonistas do filme ‘New Moon’ se reuniram em uma cena romântica de cortar o coração. De lá, você vai chegar até o Palazzo Viti, caracterizada por seus elegantes quartos, ricamente decorados. Não perca uma visita À Porta all’Arco, o único portal etrusco italiano completo, e faz parte da antiga muralha da cidade. A vista é perfeita!!!!

9. Pisa

por do sol em pisa

por do sol em pisa

Muitos de vocês devem estar se perguntando… mas Pisa é romântica? Bom, como 90% dos turistas não passam da Piazza dei Miracoli, não veem a beleza do Lungarno Pisano, o pôr-do-sol dali é lindo, e quando você esta longe dá uma nostalgia…

Pois esta paisagem trouxe para Pisa muitos escritores estrangeiros e celebridades, que vinham para a cidade por causa do seu “ar puro”, pelo mar tranquilo e claro, pela sua beleza poética. Alguns desses personagens foram: Goethe, Montesquieu, Percy Shelley, Leopardi, Dupré, Gabriele D’Annunzio, Dickens, Agatha Christie, Goldoni e Lord Byron, entre outros.  No fundo dos monumentos da Piazza del Duomo, ou ao longo de ruas arborizadas e ribeiras tranquilas, outros escritores famosos se surpreendiam com os camelos do Parque de San Rossore, que até meados do século XX, ajudaram a dar um ar decididamente exótico a uma cidade já conhecida como o berço de inovadores das artes e das ciências. Pisa foi e ainda é cenário de muitas poesias e filmes.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Minha dica é um passeio ao longo da Marina de Pisa, ou um passeio de carroça pelo Parque de San Rossore, de mãos dadas ao longo do Lungarno, um jantar a luz de velas na Via Santa Maria, vão deixar lindas lembranças…

10. Orbetello e Monte Argentário

Porto Santo Stefano

Porto Santo Stefano

Minha última cidade é mais indica para ser visitada durante o verão, é a cidade de Orbetello e o Monte Argentário. O Argentario é o mais alto promontório da costa da Toscana. Uma ilha de calcário antiga, que inclui o continente e a lagoa de Orbetello, uma das mais importantes zonas úmidas da Itália. É protegida por uma Reserva e um Oasis da WWF por sua rica fauna natural e, inclusive, colônias de aves importantes Este é um território que combina o charme da montanha, com o mar, alternando enseadas de águas claras e grandes terraços plantadas com vinha. É um dos locais mais deliciosos para uma fuga a dois para apreciar o mar.

Através de trilhas, caminhos e estradas de terra leva a baías, onde pode encontrar vestígios romanos, belas falésias e praias isoladas para escapar durante a alta temporada. No entanto, há também resorts de praia para aqueles que procuram por todos os serviços e todo o conforto.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Ja Orbetello é um local singular, pois a cidade está na estreita faixa de terra protegida por uma lagoa costeira e que dá o seu nome. A pequena ilha é cercada por uma laguna de leste e oeste, respectivamente chamado tombolo de Feniglia e Giannella, que oferecem aos visitantes quilômetros de praias encantadoras. Um passeio ao pôr-do-sol vai render fotos maravilhosas!

Minha dica é praia no Monte Argentário e  pôr-do-sol e  noite em Orbetello!

Orbetelo

Orbetelo

Com certeza, agora você não tem dúvidas de que a Toscana é o local ideal na Itália para uma viagem a dois, o difícil agora é escolher onde! Boa sorte e muito romance!



Publicidade

Compartilhe este conteúdo:


Por Deyse Ribeiro
Twitter - Facebook - Google Plus - Instagram - RSS

Participe e dê seu pitaco!