Catacumbas de Chiusi: uma visita à la Indiana Jones

24/jan | por Deyse Ribeiro

Conheça as Catacumbas de Chiusi, uma cidade na divisa entre a Umbria e a Toscana, rica de história e mistério, onde há 2 catacumbas realizadas para a sepultura dos primeiros cristãos. A visita nos faz sentir no meio de um filme de Indiana Jones.

CHIUSI - CATACUMBA_31

A cidade de Chiusi é fascinante, há uma história incrível de reis etruscos e de mártires católicos que vale um artigo só para ela. Nasce como uma cidade etrusca, e sobre o reino de Porsenna, entre o VII e o VI século antes de cristo, teve a sua máxima riqueza.

O seu grande património histórico e cultural faz de Chiusi  um centro arqueológico importante, e não digo somente quanto aos etruscos, mas também quanto as suas catacumbas, que vou tratar hoje neste texto.

As catacumbas de Chiusi são as únidas de toda a Toscana, e as mais importantes de todo o centro-norte da Itália.

pôr-do-sol de Chiusi

pôr-do-sol de Chiusi

Eu tive o prazer de conhecer pessoas muito especiais em Chiusi, os proprietários do Residenza dei Ricci onde me hospedei, um delicioso e charmoso B&B em Chiusi, conseguiram que, mesmo fechado para um pequena reforma, a Catacumba fosse aberta especialmente para mim, a quem agradeço de coração.

As vistas às duas catacumbas são realizadas por voluntários. A comunidade de Chiusi é muito ligada è sua história e muito orgulhosa, tanto de formar uma rede de pessoas que não importa o dia, vão abrir gentilmente a catacumba para quem reservar (veja como abaixo).

Catacomba della Mustiola

Catacomba della Mustiola

Bom, acho que a primeira coisa à ser explicada neste ponto é:

O que é uma catacumba?

A catacumba é um cemitério cristão, hipogeus (debaixo da terra), que “nasceram em Roma entre o fim do século II e o início do III, durante o pontificado de Zeferino (199-217), que encarregou o diácono Calisto, depois eleito papa (217-222), de supervisar o cemitério da Via Ápia. Lá foram sepultados alguns pontífices do século III, entre os quais Sisto II, assassinado durante a perseguição de Valeriano, em 6 de agosto de 258. As catacumbas são o começo de um sistema funerário original: são cemitérios exclusivos, onde eram sepultados os fiéis pertencentes à comunidade cristã, como num abraço fraterno.“¹.

Chiusi há 2 catacumbas, a catacumba de Santa Mustiola e de Santa Caterina d’Alessandria.

A Catacomba della Mustiola

O nome de Catacumba (catacomba em italiano) de Santa Mustiola, deriva do fato que ali foi sepultada a Santa padroeira de Chiusi e da diocese chamada Santa Mustiola, martirizada no ano de 274, durante o Império de Aureliano.

A catacumba está localizada a cerca de um quilômetro do centro da cidade ao longo da estrada que leva ao Lago de Chiusi.

CHIUSI - CATACUMBA_12

Curiosa foi a sua descoberta, acidentalmente em 1634, quando os frades franciscanos da Basílica de Santa Mustiola, decidiram cavar um poço para abastecimento de água. Na profundidade de 18 metros descobriram a catacumba que existente logo abaixo da basílica. Mais escavações abrangentes foram realizadas em 1717 por enviados de Roma. Depois disso, inexplicavelmente, por mais de um século o local permaneceu em um estado de completo abandono. Até que em 1830 as escavações foram retomadas e continuaram até 1831.

CHIUSI - CATACUMBA_30

CHIUSI - CATACUMBA_25

Foram descobertos novos túneis, uma cripta e muitas inscrições, e entre estas:

  • a de uma criança peregrina sem nome mas com a escrita “aqui foi deposto um peregrino que veio da terra dos ciconi, seu nome só Deus sabe” de 290
  • tumba do primeiro Bispo de Chiusi, Lucio Petronio Destro, que morreu em 322
  • tumba de Sentius Respectus esorcista
  • tumba da criança Aurelius Melitius.
CHIUSI - CATACUMBA_18

“aqui foi deposto um peregrino que veio da terra dos ciconi, seu nome só Deus sabe” de 290

As inscrições e materiais encontrados, atestam o uso do cemitério do III e IV século.

A catacumba é cheia de galerias e há um total de 200 metros.  A  maioria dos túmulos são realizados em uma espécie de nicho arqueado (arcosolii), cada uma com duas ou três corpos separadamente, um sobre o outro como 2 andares, e às vezes ao lado, que são tampados por azulejos e telhas encurvadas, feitas de barro.

CHIUSI - CATACUMBA_11

tumba da criança Aurelius Melitius.

CHIUSI - CATACUMBA_9

A entrada principal  conduz a uma pequena basílica que ainda mantém  a características dos locais das primeiras celebrações cristãs.

Ainda no loca, se encontra a tumba original de Santa Mustiola, mas o corpo foi transferido à Catedral de San Secondiano em Chiusi.

CHIUSI - CATACUMBA_10

tomba do primeiro Bispo de Chiusi, Lucio Petronio Destro, que morreu em 322.

CHIUSI - CATACUMBA_7

Catacumba de Santa Catarina

A catacumba leva o nome de uma capela dedicada à Santa Caterina delle Ruote o di Alessandria (Santa Catarina de Alexandria), que existia sobre ela.

A estrutura atual da catacumba foi formada a partir de dois complexos de cavernas distintas, que faziam parte de uma maior área funerária, que acolhia as sepulturas dos cristãos e pagãs. Na entrada há uma bela urna de mármore decorada.

Há ainda numerosas inscrições presentes, tanto pagãs e cristãs.

É menor que a catacumba de Santa Mustiola, e foi descoberta por acaso em 1848, quando foram feitos alguns trabalhos no campo.

A estruturai realizada entre o II e o III século e desfrutada até o século V.

Fica à 2 km do centro da cidade, ao longo da Via Cassia Aurelia I, em Chiusi Scalo, e à a 700 metros da estação de trem.

Informações:
As catacumbas são abertas à visita somente mediante reserva, realizada através do Museo della Catedral de Chiusi.
Esta momentaneamente fechado para reforma, mas abrirá em fevereiro de 2016, daqui a 1 mês.
Veja no mapa abaixo a localização das duas catacumbas.
Ingresso: 5 euros
tel. +39 0578 226490 – museocattchiusi@alice.it

 

  1. Fonte: Fabrizio Bisconti, diretor da Pontifícia Comissão de Arqueologia Sacra para as Catacumbas

*Este post contém indicações para  serviços de afiliados. Para ver nossa política de monetização, clique aqui.


Publicidade

Compartilhe este conteúdo:


Por Deyse Ribeiro
Twitter - Facebook - Google Plus - Instagram - RSS

Mapa

Participe e dê seu pitaco!