Pienza, a cidade planejada por Pio II

09/jul | por Deyse Ribeiro

Pienza é uma pitoresca cidade localizada em uma colina com uma incrível vista vista para o Val d’Orcia em cerca de 490 metros acima do nível do mar, e ainda foi incluída em 1996 na lista de patrimônios da humanidade pela UNESCO.

pienza_5

Explorando Pienza:

Pienza é bastante pequena, por isso é muito agradável explorá-la devagar, saboreando cada vista impressionante,  o vale, as velhas antigas de tijolo vermelho, varandas repletas de vasos de flores e ruas mais escondidas e misteriosas.

Pienza_15

Quando você está em Pienza não se esqueça de dar um passeio na Via dell’Amore, uma estrada estreita com varanda panorâmica que oferece uma vista deslumbrante sobre o Val d’Orcia.

Pienza_3

Aconselho comprar e degustar os queijos típicos da cidade em uma das muitas lojas de queijo: o “Pecorino di Pienza” é uma especialidade local, queijo de ovelha, portanto, não perca!

Pienza_13 Pienza_14

Obviamente que você não pode deixar de visitar a praça principal, pequena e intimista, mas não deve ser subestimada pois uma verdadeira jóia artística e arquitectónica. Pienza é conhecida pelo apelido de “cidade ideal”. Mas porquê?

Pienza_12

Catedrale

Pienza: a “cidade ideal”

Originalmente chamada de Corsignano, Pienza deve a sua aparência atual á vontade do Papa Pio II, Enea Silvio Piccolomini, e o trabalho de Bernardo Gambarelli, conhecido como Rossellino. O futuro Papa Pio II, de fato, nasceu em Corsignano em 1405 e quando ele foi eleito papa em 1459 ele decidiu dar um novo brilho à sua terra natal, agora em declínio.

Pienza

Papa Pio II chamou Bernardo Rossellini para levar o projeto, personalidade importante no campo da arquitetura e da arte renascentista. Durante quatro anos, Rossellino e Pio II colaboraram para projetar uma “cidade ideal” construíndo  a cidade de acordo com os cânones de beleza do Renascimento.

Pienza_16

O trabalho foi apenas parcialmente realizado, porque Pio II morreu prematuramente. E hoje é o único exemplo de uma cidade planejada no séc XV.

Pienza_10

Palazzo Piccolomini

O ápice do trabalho de Rossellino e Pio II é a praça central de Pienza, cercada por belos edifícios renascentistas, como a Catedral, o Palácio Episcopal, o Palazzo Piccolomini, Palazzo Comunale e o Palazzo Ammannati.

IMG_6534

Pontos panorâmicos:

Pienza está localizada em uma linda área com vista incrível do Val d’Orcia, cercada ainda, em partes por muralhas. Em particular, três pontos são dignos de nota:

1. O imponente Palazzo Piccolomini à direita da Catedral tem uma Loggia (terraço) fantástico com um delicioso jardim suspenso a partir do qual você pode desfrutar de panoramas únicos e deslumbrantes sobre Val d’Orcia Valley, de Montalcino para o Monte Amiata. Palazzo Piccolomini foi mesmo usada por Franco Zeffirelli para filmar algumas cenas de seu filme famoso e romântico Romeo and Juliet, em que representou o local do primeiro encontro entre os dois amantes na casa dos Capuletos.

pienza_3

2. do lado onde as duas torres circulares, que é possível chegar passando pela Via Dell’Amore, onde  de que não há na minha opinião há uma das vistas mais bonitas, possível ver, nos dias mais claros o Monte Amiata.

pienza_1

pienza

Pienza -_3

Pienza_5

3. no fim da rua principal da cidade, tem umas casinhas iguais e no fundo delas um jardim aberto ao publico, a mais bela vista em direção o vale do Torrente Tresa e o vilarejo de Monticchiello você tem ali.

Pienza -

Pienza -_1

Pienza -_2

Montecchiello?

Dica:

Aproveite e visite a Pieve dei Santi Vito e Modesto ou simplesmente, a Pieve di Corsignano. A igreja românica é de origem do século 7, mas esta que vemos hoje é estilo românico do século 12.

pienza_8 pienza_7

Enquanto a igreja é relativamente vazia, cada nave tem um altar e você pode ver a pia batismal original onde tanto o Papa Pio II e seu sobrinho Papa Pio III foram batizados. 

pienza_6

Surpreenda com os desenhos na faixada e no interno, nas colunas!

Em 1996 Pienza foi listado como Patrimônio Mundial pela UNESCO. O mesmo se aplica a toda a área do Val d’Orcia, um local UNESCO desde 2004. Esses prêmios internacionais só confirmam como esses lugares merecem uma visita: Toscana é muito mais que as famosas cidades…

Bom passeio…

Como chegar:

De Carro:

De Florença: A1 – saída Valdichiana – Direção Torrita di Siena – Pienza (Cerca de 20 km)
De Roma: (. 27 km) A1 – saída Chiusi Chianciano Terme – direção Chianciano – Montepulciano – Pienza.
De Siena: SS. 2 Cassia até San Quirico d’Orcia – SS 146 a Pienza (50 Km.).
De Trem: A estação mais próxima é Chiusi-Chianciano Terme, na linha Roma-Florença. A partir dali, opção somente táxi, distância cerca de 30 km.
De ônibus:
Pegue o ônibus Florença-Siena (veja como aqui) e em Siena, pegue o ônibus da linha 112 (Extra Serviço Urbano). Preste atenção ao horário de verão ou início do inverno. O inverno vai até o fim do ano letivo. Infelizmente, as corridas não são muitos, mas é a única solução que permite a não alterar várias vezes o ônibus. Nos feriados não há linhas de ônibus.

Orario Bus Siena-Montepulciano

Informações:

Posto de Informação Turística Pienza
Corso Rossellino, 30 – Pienza (SI)
Telefone e Fax: 0578749905
E-mail: info.turismo@comune.pienza.si.it
Abertura: de 5 Março a 5 de novembro aberto de quartas a segundas  das 10:30-13:30 e 14:30-18:00
a partir de 6 novembro a 14 março, aberto aos sábados, domingos e feriados 10:00-16:00

PALAZZO PICCOLOMINI
Aberta:  de 16 outubro – 14 março – De terça-feira ao domingo 10,00-16,30. Última entrada às 16h00
Abertas nas férias sa segunda-feira
De 15 março – 15 outubro,  terça-feira a domingo 10,00-18,30. Última entrada às 18h00
Abertas as férias segunda-feira
25 de dezembro e 01 de janeiro de abertura 14:00 18:00. Última entrada às 17h30
Preço: 7 euros



Publicidade

Compartilhe este conteúdo:


Por Deyse Ribeiro
Twitter - Facebook - Google Plus - Instagram - RSS

Participe e dê seu pitaco!